Luxo no céu com diamantes! Etihad começa a operar voo mais luxuoso do mundo

Há muitas vontades que passageiros têm que enfrentar enquanto estão enfiados em um avião a 10.000 metros de altura, mas a aquisição de um raro diamante azul normalmente não é uma delas.

Para alguns milionários que precisam gastar dinheiro em jóias caríssimas, agora esse raro diamante azul é uma possibilidade. O problema: É possível apenas se eles estiverem nas rotas de alto nível da Etihad, que são voando de Londres, Nova York ou Sydney para Abu Dhabi.

02

Enquanto alguns na indústria da aviação têm rejeitado como algo muito superficial, a companhia aérea com sede nos Emirados Árabes Unidos (EAU), fez uma parceria com um serviço de concierge de alto luxo para atender os caprichos de passageiros que utilizam o seu serviço super luxuoso, The Residence.

A passagem de ida e volta, que custa entre US$ 40,000 a US$ 65,000 dólares (R$ 155.000 a R$ 250.000), dependendo da época do ano, já lhe dá o direito de voar em uma suíte de dois cômodos e um banheiro completo, além disse com serviço de um mordomo e um chef gourmet a bordo dedicado somente a você.

04

E agora esses passageiros não terão que esperar até aterrisar para comprarem bugigangas locais, fazerem reservas nos restaurantes mais cobiçados da cidade ou comprarem tickets para shows que estão esgotados. Os passageiros que voam no The Residence também podem instruir os concierges, fornecidos pelo Ten Group, para acharem produtos exóticos ou raras obras de arte de qualquer artista.

Essa regalia não é nada que já estamos acostumados a encontrar! É bem diferente dos serviço de vendas de duty free a bordo de aviões, ou dos pedidos que podemos fazer através das revistas SkyMall que estão disponíveis nos voos nos EUA, Brasil e Europa.

“Dentro de tudo que é moral e legal, oferecemos toda uma variedade de produtos e atendimentos inusitados e maravilhosos”, diz Toby Gauvain, diretor internacional da Ten Group, que tem escritórios em várias cidades do mundo, como Londres, Nova York e Hong Kong. Ele diz que não possui permissão para revelar detalhes de pedidos recebidos até agora, mas diz que o serviço provou ser popular desde que foi lançado no final de agosto. Os passageiros transmitem os seus desejos para o mordomo a bordo que então entra em contato com as equipes de concierge da Ten Group por um telefone via satélite. O objetivo é ter tudo já organizado antes que o avião chegue ao seu destino.

O serviço de concierge nos voos, é a atividade mais recente em o que parece ser a busca da Etihad para transformar seus aviões em hotéis de luxo.

03

As suítes The Residence possuem uma sala de estar com uma TV de LED de 32 polegadas, um quarto com uma cama de casal forrada em lençóis de algodão egípcio, e um corredor encarpetado que leva a um banheiro privado com chuveiro, roupões de banho e produtos de higiene pessoal de alto nível.

07

Etihad disse que a primeira pessoa a voar a bordo do The Residence não fez nenhuma reclamação. Na verdade o relações públicas da Etihad anunciou que o primeiro passageiro, Gino Bertuccio, descreveu sua viagem como um tanto improvável, e “além da imaginação de qualquer pessoa.” Ele também acrescentou que “após retornar para casa, eu estava vivendo novamente minuto a minuto esta fantástica viagem que tive a sorte de viver.”

“Quando lançamos o The Residence by Etihad no ano passado, tivemos a intenção de explorar as novas maneiras de como poderíamos melhorar as viagens em aeronaves comerciais”, diz Peter Baumgartner, diretor comercial da Etihad. “O serviço de concierge disponível é uma resposta a essa ambição.”

Baumgartner disse que esse serviço é destinado aos passageiros que possuem uma vida corrida, com tempo curto: “Por exemplo, se o passageiro não foi capaz de fazer alguma preparação antes de viajar ou se precisar de algo inesperadamente.” “Ou então essa experiência também se adapta aos passageiros que estão à procura de algo fora do comum, talvez, um presente inusitado para uma pessoa querida, como um raro diamante azul”, disse.

05

[ Readmore. ]

As 10 chegadas em aeroportos mais belas do mundo

Não ter que passar por cima de passageiro no assento ao lado para ir ao banheiro, muitas vezes supera o desejo de olhar para as nuvens brancas e macias e para os campos quadrados de terra quando o avião está descendo.

Existem, no entanto, algumas exceções.

PrivateFly, uma plataforma global de reservas de jatos privados, acaba de lançar os resultados de sua pesquisa global de 2015 com as chegadas mais belas em aeroportos pelo mundo.

Quando você está voando para alguma destas 10 belezas, que oferecem vistas de tudo, como de paisagens montanhosas ou arranha-céus maravilhosos, você com certeza deverá sentar na janela!

O aeroporto de Queenstown, na Nova Zelândia foi o grande vencedor, seguido do Aeroporto McCarran de Las Vegas e Nice Cote D’Azur, na França.

A pesquisa foi realizada em março e abril deste ano e recebeu mais de 3.000 votos individuais.

Um total de 147 aeroportos mundiais recebeu indicações.

“Nossa pesquisa tornou-se uma lista essencial para quem ama viajar, e oferece uma mistura fascinante de locais pelo globo”, diz Adam Twidell, CEO da PrivateFly e um piloto experiente.

“De vistas magníficas de cidades como Las Vegas e Londres, para pequenas pistas remotas de pouso, como Saba, no Caribe (menor pista de decolagem comercial do mundo); e o incomparável pouso na praia na Escócia.”

Aqui estão as 10 chegadas em aeroportos mais belas do mundo, de acordo com pesquisa da PrivateFly:

10. Aeroporto Internacional de Cape Town:

A pista de pouso do Aeroporto Internacional de Cape Town, oferece vistas da famosa montanha sul-africana, Table Mountain, localizada aproximadamente 45 km do aeroporto. Eleitores da PrivateFly classificou como a 10ª chegada mais bonita do mundo.

10

9. Aeroporto da Cidade de Londres

Não há necessidade de um trem expresso quando você pousar no Aeroporto da Cidade de Lonres, o aeroporto mais próximo do centro da cidade. Em um dia claro, aqueles em um assento na janela terão uma vista ótima do Rio Tâmisa e de alguns pontos turísticos ingleses. Para os pilotos, o Aeroporto da Cidade de Londres oferece um pouso difícil. PrivateFly disse que a descida é de 5,8 graus que costuma revirar o estômago, em oposto à descida normal de 3 graus nos demais aeroportos.

09

8. Aeroporto de Gibraltar

Localizado apenas a 500 metros do centro da cidade, a pista de pouso do Aeroporto de Gibraltar divide espaço com uma das principais rodovias da ilha. Pedestres e carros precisam parar na beirada da pista todas as vezes que um avião decola ou aterriza neste território britânico.

08

7. Aeroporto da Cidade de Toronto

O Aeroporto da Cidade de Toronto (também conhecido como Aeroporto Billy Bishop) é uma pequena instalação localizada em uma ilha no Lago Ontário na maior cidade do Canadá. Seu acesso é apenas por balsas de passageiros e é usado por companhias aéreas regionais, aviação privada, voos fretados e voos de emergências médicas.

07

6. Aeroporto Juancho e Irausquin

Aeroporto Juancho e Irausquin é o único aeroporto na ilha caribenha de Saba, um município especial da Holanda. Ele possui a menor pista de decolagem comercial do mundo (395 metros de comprimento) e de um lado está rodeada por montes e com montanhas que saem direto do mar em ambas as extremidades. Devido ao comprimento de pista, Somente aviões pequeno e helicópteros a usam.

06

5. Aeroporto Internacional Princesa Juliana

Localizado em São Martinho, o Aeroporto Internacional Princesa Juliana (em homenagem a realeza holandesa) tem pessoas que agarram para suas câmeras a cada vez que um avião faz o seu caminho para a pista, que começa a poucos metros da borda do oceano.

05

4. Aeroporto de Barra

O Aeroporto de Barra, na Escócia, é o único aeroporto do mundo onde voos regulares, voos fretados e privadas fazem seus pousos e decolagens da praia. Na maré alta, as pistas ficam completamente debaixo d’água.

04

3. Aeroporto Internacional da Cote d’Azur

O Aeroporto Internacional da Cote d’Azur está localizado a 6 km do sudoeste de Nice, na região dos Alpes Marítimos da França. É o principal ponto de chegada para os passageiros que viajam para a área Cote d’Azur (Riviera Francesa).

03

2. Aeroporto Internacional de Las Vegas

Para aqueles com sonhos de ganhar muito dinheiro nas nas mesas de jogos em Las Vegas, nada impressiona mais do que o voo para o Aeroporto Internacional de Las Vegas (também conhecido como Aeroporto Internacional McCarran). Aqueles no assento da janela começam a ver a cidade aparecendo magicamente do deserto, quando a visão da magnífica e iluminada Las Vegas Boulevard, também conhecido como “The Strip”, é avistada.

02

1. Aeroporto de Queenstown

O Aeroporto de Queenstown é o único aeroporto internacional no Sul da Nova Zelândia. Localizado no coração das paisagens mágicas da Nova Zelândia com montanhosas, lagos e diversos rios. Por isso, não resta dúvidas do motivo que este aeroporto foi votado por ter a chegada mais cênica de todos os aeroportos do mundo.

01

 

 

[ Readmore. ]

Hotel nos céus – Four Seasons revela avião privado de luxo

Nos últimos dias foi revelado o primeiro jato privado de hotéis do mundo e, felizmente para todos os outros a bordo, não há nenhuma suíte para lua de mel.

Caso contrário, o Boeing 757 equipado pela marca de luxo Four Seasons, promete entregar a experiência de um hotel luxuoso e cheio de regalias a 10.000 metros de altura.

A empresa de acomodações de luxo com sede em Toronto acaba de lançar as primeiras imagens e um vídeo que mostra o interior da aeronave readaptada que possui um único corredor.

Com uma decoração que diz ser inspirada em “caviar e champanhe”, o avião dispõe de 52 assentos em couro artesanais que viram camas, tapetes de lã tecidos à mão e luxuosos aparelhos de jantar. Isso é cerca de 150 assentos a menos que em um avião 757 padrão operado comercialmente.

aa2O avião privado foi configurado para 52 passageiros. São quase 150 a menos do que um avião comercial padrão

aa3Fones de ouvido com cancelamento de ruído estão disponíveis. Mesmo pagando $132.000 dólares para uma passagem de volta ao mundo, não é garantido que a pessoa ao seu lado não é um roncador.

aa4Os assentos totalmente reclináveis são feitos de “couro artesanais”. Cobertores de cashmere também estão disponíveis.

 

 

O exterior da aeronave é de cor preto brilhante com a marca Four Seasons escrita na frente e o logotipo está estampado na cauda do avião.

aa6

Chefs a bordo

O jato, originalmente agendado para lançamento em fevereiro de 2015, vem completo com uma tripulação de cabine altamente treinada ao nível do Four Seasons, incluindo um chefe de cozinha, um sous chef, concierge, e gerente de relacionamento ao cliente. De acordo com o chef Kerry Sear, os hóspedes devem ter o mesmo nível de serviço como é proporcionado em um hotel Four Seasons – embora sem a necessidade de um minibar no quarto. A única diferença real é que, ocasionalmente, a equipe terá que fazer um pouco de malabarismo quando há turbulências!

aa5Não há bandejas de plástico aqui. A tripulação de 10 pessoas dispõe de um chef executivo e sous chef. O Four Season diz que a sua experiência a bordo é inspirada em “champanhe e caviar”

Este serviço está atualmente aceitando reservas para viagens de volta ao mundo a partir de 2016.
(clique aqui para mais informações)

A primeira viagem é uma excursão de 24 dias, com nove destinos que começa em Los Angeles e termina em Londres. O custo é de 132 mil dólares por pessoa e inclui paradas – com acomodações em hotéis Four Seasons nos seguintes destinos: Havaí, Bora Bora, Sydney, Bali, norte da Tailândia, Mumbai e Istambul.

Parece uma boa ideia, não? Mas ainda não há nenhuma informação se esse preço inclui também uma cura para o jet lag.

[ Readmore. ]

Private jet de $600M

Esse jato privado de $600 milhões de dólares, parece mais uma cobertura de um edifício do que um avião.

Não importa o quanto luxuoso é o interior de um avião, é sempre bem óbvio que você está viajando dentro de uma aeronave. Alguns layouts e estilos de móveis parecem ser copiados sempre entre os designers de interiores de aviões, seguindo o modelo e estilo de uma aeronave. Mas neste caso, se você não soubesse onde estava, pensaria que este Boeing 747 privado de $600 milhões dólares fosse realmente uma cobertura de um aparamento de luxo.

06

Este tipo de avião jumbo normalmente voa cerca de 400 passageiros, mas depois que a Greenpoint Technologies tomou conta do design, ele foi personalizado para ser uma “residência” voadora de alto luxo para um cliente anônimo e bem sortudo. De acordo com o Daily Mail, a Greenpoint demorou três anos para concluir esse projeto.

O andar superior está reservado para uma sala de estar grande, que oferece diversas opções de lugares. O andar principal inclui uma cabine (quarto) VIP, um restaurante, uma sala de estar, uma sala de jantar que funciona como uma sala de conferências, um escritório espaçoso, e uma área inteira dedicada para os empregados.

Se caso você estiver criando o seu próprio jato, esta é a maneira que ele deve ser construído.

02

03

04

05

07

08

10

09

 

[ Readmore. ]